agoratemosBLOG
  • o amor é para sempre

  • Há mais de cinco anos que fotografamos o amor a nascer, o amor a confirmar-se.
    Entre os vários casais que as nossas lentes viram, este é claramente especial. Com este senhor e esta senhora não vemos o amor no seu início, exuberante e energético, mas vemo-lo com a serenidade e a placidez de quem caminha de mão dada há 35 anos.
    Mas não é só. Sem eles “Menino conhece Menina” seria impossível porque não existiria Menino. Seríamos algo como “Menina espera que o Menino a venha conhecer”.
    Fazia neste dia 35 anos que, em rescaldo de Natal, o Daniel (sim, o Menino herda o nome do pai) e a Isabel casaram. Tal como há 35 anos, o céu estava carregado de um nevoeiro frio e espesso. Na pequena aldeia transmontana, percorremos com eles os sítios onde namoravam, a primeira casa onde viveram e até o castanheiro onde o fotógrafo os levou para a sua sessão de casamento. Ouvimos as histórias desse outro tempo em que os beijos eram escondidos e os encontros de fugida mas o amor, esse era o mesmo vendaval de borboletas sobre a pele.
    É com este confirmado amor que queremos inaugurar o blog “Menino conhece Menina”. Será mais um instrumento a acompanhar-nos nesta caminhada que, embora já longa, acreditamos ainda estará muito longe de atingir o seu cume. Ainda há muito amor para ver, muito para mostrar, tanto para aprender e crescer.

    For more than five years we photograph love being born, love being confirmed.
    Among the couples our lenses have seen, this one is clearly special. With this gentleman and this lady we do not see love at its beginning, exuberant and energetic, we see it with the serenity and placidness of those who walk hand in hand for 35 years.
    But that’s not all. Without them “Menino conhece Menina” (Boy meets Girl) would not be possible because there would be no Menino. We would be something like “Menina waits for Menino to come and meet her.”
    In this day, 35 years had passed since that other morning when Daniel (yes, the Boy inherits his father’s name) and Isabel married.
    Just as 35 years ago, the sky was thick with cold fog. In the small village of Trás-os-Montes, we traveled with them to the places where they dated, the first house they lived in, and even the chestnut tree where the photographer took them on their wedding photo session. We heard the stories from that other time when kisses were hidden and on the sly but love, this was the same gale of butterflies on the skin.
    With this confirmed love we want to inaugurate the blog ” Menino conhece Menina”.
    It will be another instrument to accompany us on this walk which, although already long, we believe is still very far from reaching its summit. There is still much love to see, much to show, so much to learn and to grow.